Primavera

Primavera [Francisca Júlia e Júlio César da Silva] Bem cedo, mal rompe o dia, já estão gorjeando as aves os seus pupilos suaves em desusada alegria. Vasto, o campo se descobre, ondula, se estende e perde, todo verde, todo verde da nova relva que o cobre. De toda banda invadidos e cheios estão os ares…

A vida intelectual, de A. D. Sertillanges

Anotações: A vida Intelectual: seu espírito, suas condições, seus métodos [A. D. Sertillanges] “A vida de estudo é austera e impõe pesadas obrigações. Ela traz compensações, por sinal, generosas; mas ela exige um investimento à altura de poucos. Os atletas da inteligência, tal como os do esporte, devem prever as privações, os longos treinos e…

O mágico de Oz, de L. Frank Baum

  Trechos do livro:  “Quando Dorothy, que era órfã, veio ficar com ela, a tia Em ficou tão assustada com a risada da criança que gritava e colocava a mão no coração sempre que a voz alegre de Dorothy chegava aos seus ouvidos. Ela olhava para a menininha surpresa de que ela pudesse encontrar motivo…

Sindbad, o Marujo

Sindbad, o Marujo [Edelweiss Barcellos Mello] Onde, marinheiro? Onde, trovador? Onde, viageiro? de Nosso Senhor? Vou ser o marujo Sindbad-marinheiro. Vou ver outras terras, correr mundo inteiro. Quedê o dinheiro pra ser viajor? Quedê a moeda pra tanto esplendor? Dinheiro de sol, moeda de lua, brilhando perdidos num canto de rua, me levem por mares,…

O Dia e a Noite

O Dia e a Noite [Celina Ferreira] No meio das trevas a mão do Senhor ergueu-se ordenando com grande vigor: – “Que a luz seja feita!” E o nada morria. Da treva desfeita vem, lúcido o dia. E vem precedido de um leve palor. Nas tintas mais belas tirou sua cor. Das trevas do nada sobradas…

Homens Sem Peito

C. S. Lewis C.S. Lewis (1898-1963) foi um dos maiores pensadores americanos e dedicou-se a questões como a responsabilidade dos adultos na educação dos jovens. Este é um trecho do livro A abolição do homem.  Até  uma  época  que  já  se  podia  dizer  moderna,  todos  os  professores  e  talvez até  todos  os  homens  acreditavam  que …

MENINAS  MAIS  SÁBIAS  QUE  HOMENS [Tolstói]

Era  uma  Páscoa  ainda  no  inverno.  Havia  restos  de  neve  nos  jardins  e  a  água  corria pelas  ruas  da  cidade.  Duas  meninas  se  encontraram  por  acaso  num  beco  entre  dois  quintais,  onde água  suja  que  descia  das  fazendas  formara  uma  poça  grande.  Uma  das  meninas era  muito  pequena  e  a  outra,  um  pouco  maior.  Ambas …

Ilusões da vida [Francisco Otaviano]

Quem passou pela vida em branca nuvem E em plácido repouso adormeceu; Quem não sentiu o frio da desgraça, Quem passou pela vida e não sofreu: Foi espectro de homem, não foi homem, Só passou pela vida, não viveu. Francisco Otaviano

A UNS QUINZE ANNOS (1865)

M. L És doce e pura e saudosa Como um perfume de rosa, Que pouco a pouco de esváe: És como o frouxel d’um ninho, Os trinos d’um passarinho, Uma pétala que cáe. És alva e meiga e divina Como a nevoa peregrina Da madrugada ao surgir: O céu teu riso enamora, Os anjos formam…

PELO  VÔO  DE  DEUS  QUERO  ME  GUIAR

Não  quero  aparelhos Para  navegar. Ando  naufragado, Ando  sem  destino. Pelo  vôo  dos  pássaros Quero  me  guiar. Quero  Tua  mão Para  me  apoiar, Pela  Tua  mão Quero  me  guiar Quero  o  vôo  dos  pássaros Para  navegar. Ando naufragado, Ando sem destino, Quero Teus Cabelos Para me enxugar! Não quero ponteiro Para me guiar. Quero Teus…