O mágico de Oz, de L. Frank Baum

  Trechos do livro:  “Quando Dorothy, que era órfã, veio ficar com ela, a tia Em ficou tão assustada com a risada da criança que gritava e colocava a mão no coração sempre que a voz alegre de Dorothy chegava aos seus ouvidos. Ela olhava para a menininha surpresa de que ela pudesse encontrar motivo…

Sindbad, o Marujo

Sindbad, o Marujo [Edelweiss Barcellos Mello] Onde, marinheiro? Onde, trovador? Onde, viageiro? de Nosso Senhor? Vou ser o marujo Sindbad-marinheiro. Vou ver outras terras, correr mundo inteiro. Quedê o dinheiro pra ser viajor? Quedê a moeda pra tanto esplendor? Dinheiro de sol, moeda de lua, brilhando perdidos num canto de rua, me levem por mares,…

O Dia e a Noite [Celina Ferreira]

O Dia e a Noite [Celina Ferreira] No meio das trevas a mão do Senhor ergueu-se ordenando com grande vigor: – “Que a luz seja feita!” E o nada morria. Da treva desfeita vem, lúcido o dia. E vem precedido de um leve palor. Nas tintas mais belas tirou sua cor. Das trevas do nada sobradas…